Carros com dívidas valem a pena?

Carros com dívidas - comprar e vender

A venda de carros com dívidas vem aumentando significativamente nos últimos anos no Brasil.

O primeiro bimestre de 2019 registrou crescimento de 7% nas vendas de veículos usados comparado com o mesmo período de 2018, segundo a Fenauto.

Afinal, com o aumento de uso da tecnologia como plataformas de compra e venda de veículos pela internet os negócios ficaram mais simples de serem efetuados.

Mas o consumidor deve ficar atento na hora de comprar o veículo usado.

Ainda mais se o veículo estiver com dívidas como alienação fiduciária ou documentação atrasada.

Confira as dicas para comprar carros com dívidas e não sair no prejuízo

 

É possível comprar carros com dívidas ?

 

Compra de carros com dívidas

 

Sim, é possível.

Mas o comprador deve decidir se irá assumir a dívida ou se o vendedor irá quitá-la antes de fechar negócio.

Certamente que fazer uma consulta prévia na documentação do veículo pode evitar dores de cabeça no futuro.

Afinal, ninguém quer comprar carros com dívidas no documento.

Desse modo, acessar o site do DETRAN do seu Estado é o primeiro passo para fazer uma compra segura.

 

Quais os tipos de dívidas possíveis ?

 

Carros com dívidas são a grande maioria entre as ofertas de veículos usados.

Portanto saber identificar essas dívidas é muito importante, sendo que cada dívida possui uma solução diferente

Carros com dívidas - tipos

– Carros com dívidas de financiamento

Caso conste alienação fiduciária junto a algum banco ou financeira no documento do veículo, significa que o carro ainda esta financiado.

Em suma é comum pessoas se cansarem de pagar as parcelas do veículo, que parecem ser infinitas.

Nesse caso você deve decidir se irá transferir a dívida para o seu nome, ou se o vendedor irá quitar o bem antes de efetuar a venda.

Primeiramente para transferir a dívida ao seu nome, você deve contatar o banco para que este aprove ou não a transferência.

Essa checagem se dá por meio da análise de crédito.

Outro ponto que não pode passar despercebido é a taxa que o banco irá cobrar para transferir a dívida.

 

– Carros com dívidas de IPVA, multas ou impostos

Carros com dívidas de impostos é muito mais comum do que se imagina.

Quando você adquire um veículo usado, as multas de trânsito e impostos como IPVA, licenciamento, DPVAT e outros devem ser quitados.

Dessa maneira, sem a quitação não há como transferir o bem para o nome do novo proprietário.

Então preste atenção!

Os valores das multas em carros com dívidas podem ser mais altas do que se imagina.

Em síntese, na hora de comprar carros com dívidas é fundamental acessar o site do Detran de seu Estado e através do número do Renavam e número da placa, efetuar uma consulta.

Peça esses dados ao vendedor e faça uma consulta prévia.

 

Carros com dívidas de financiamento – Alienação fiduciária

 

Alienação carros com dívidasConforme já dito, muitos proprietários de veículos financiados acabam deixando de pagar as parcelas.

Isso ocorre por um imprevisto como desemprego ou doença na família, ou ainda quando se descobre a prática de juros abusivos no financiamento.

De qualquer forma, antes de comprar carros com dívidas o consumidor deve verificar a possibilidade de transferência da dívida para o seu nome.

 

Posteriormente a análise de crédito, a dívida poderá ser transferida ao novo proprietário.

Há ainda a possibilidade de se fazer a portabilidade da dívida para outros bancos, no caso do crédito ser recusado na instituição original.

Após efetuada a transferência da dívida, um novo contrato é emitido já em nome de quem comprou o veículo.

O novo documento do veículo deverá ser emitido constando a alienação junto ao banco credor.

Assim, a alienação serve como garantia ao banco para o recebimento dos valores emprestados.

Em caso de não pagamento da dívida, o banco terá o direito de retomar o bem para quitar o saldo devedor.

Clique aqui para entender mais sobre alienação fiduciária

 

Carros com dívidas por multas em fase de recurso – Como funciona?

 

Conforme já explicamos, carros com dívidas por multas de trânsito são de responsabilidade do vendedor em efetuar

Carros com dívidas - Multas e IPVA

os pagamentos.

Sem quitar todos os débitos e impostos, não é possível transferir a propriedade do bem.

Quando um determinado condutor recebe uma multa de trânsito, ele é notificado e possui prazo para recorrer.

Se o vendedor ainda estiver dentro do prazo para recurso, não haverá impedimento para transferência do bem a terceiros.

Isso esta previsto no Código de trânsito brasileiro, artigo 284.

Contudo para quem compra, é importante se respaldar para não acabar tendo que pagar multas que não sofreu.

Dessa maneira é imprescindível ao comprador exigir que o vendedor efetue a “Comunicação de Venda” ao órgão de trânsito.

De fato tanto o comprador quanto o vendedor terão segurança em transações envolvendo carros com dívidas .

 

Carros com dívidas – multa por não transferir o veículo no prazo

 

Carros com dívidas - transferênciaAo conduzir um veículo, estamos sujeitos a infrações de trânsito e até mesmo acidentes.

Decerto que se expor a esses riscos é inevitável para condutores de veículos automotores.

Por isso é fundamental a comunicação de venda ao órgão de transito após efetuada a transferência do veículo negociado.

 

É tarefa do vendedor fazer essa comunicação de venda, contudo o comprador também tem sua responsabilidade.

Caso o comprador não efetue a transferência e registro do veículo para o seu nome em um prazo de 30 dias, ele estará desrespeitando o Código de Trânsito Brasileiro e sofrerá multa por isso.

Segundo o artigo 233 do CTB, ao deixar de efetuar a transferência do bem em até 30 dias, o comprador do veículo estará cometendo infração grave, devendo sofrer multa e até mesmo retenção do veículo até a regularização.

Por consequência isso significa 5 pontos na carteira do infrator.

 

Carros com dívidas – Juros abusivos

Carros com dívidas - juros abusivos

 

O número de pessoas que descobrem que seu veículo financiado possui cobrança de juros abusivos vem aumentando significativamente.

Hoje em dia, é comum efetuar financiamento em 12, 24, 36, 48 e até 60 parcelas para pagamento do bem.

Quando o comprador faz as contas e multiplica o total de parcelas pelo valor de cada parcela, acaba tomando um susto.

Nesse momento é fundamental fazer uma análise mais profunda desse financiamento e verificar todas as possibilidades.

Em caso de cobrança de juros abusivos em carros com dívidas , pode-se fazer a revisão contratual.

Para isso, contatar um especialista é fundamental.

A Reis Revisional, empresa idônea e especialista no assunto, líder de mercado, conta com uma equipe de profissionais altamente qualificados para analisar seu contrato e descobrir se você  esta ou não pagando juros abusivos.

Se você esta passando por essa situação, contate gratuitamente agora mesmo um de nossos consultores.

Você poderá economizar seu dinheiro deixando de pagar juros abusivos. Confira.

 

Conclusão

Carros com dívidas - Investimento

Realizar o sonho da compra de um veículo pode incorrer em algumas armadilhas.

Dessa maneira, é fundamental efetuar consultas prévias e se respaldar para não sofrer depois.

 

Carros com dívidas podem ser transferidos de propriedade, desde que tomadas as devidas providencias quanto a documentação do bem.

Siga as dicas deste post e evite cair em armadilhas. Dessa maneira, comprar carros com dívidas pode valer a pena.

Caso você desconfie que o financiamento do veículo possua juros abusivos, contate a Reis Revisional.

Faça uma consulta gratuita e descubra tudo sobre carros com dívidas e juros abusivos.

 

 

Willian dos Reis
Willian dos Reis
Co-fundador da empresa Reis Revisional, consultoria especializada na luta contra a cobrança de juros abusivos no Brasil, gerando economia financeira e proporcionando o equilíbrio nas relações de consumo entre seus clientes e Bancos e Financeiras. Condecorada pela LATIN AMERICAN QUALITY INSTITUTE na categoria de Consultoria Financeira, foi premiada por sua preocupação na gestão da qualidade com certificação emitida pela LAQI, reconhecida pela ONU.

Qual sua opinião? Deixe um Comentário

avatar
 
smilegrinwinkmrgreenneutraltwistedarrowshockunamusedcooleviloopsrazzrollcryeeklolmadsadexclamationquestionideahmmbegwhewchucklesillyenvyshutmouth
  Inscreva-se  
Notificação de
WhatsApp chat