Qtd de parcelas em atraso ocasionam busca

Quantas Parcelas em atraso ocorre a Busca e Apreensão de Veículo

Uma dúvida recorrente de quem tem veículo financiado é saber com quantas parcelas em atraso ocorre a busca e apreensão de veículo.

Isso porque ao atrasar as parcelas, os escritórios de cobrança representantes do banco costumam fazer ameaças ao consumidor.

Dentre as ameaças mais comuns esta a retomada do bem através do processo de Busca e Apreensão.

Banner Dívida Busca e Apreensão

Portanto nesse artigo explicaremos com detalhes com quantas parcelas em atraso ocorre a busca e apreensão de veículo.

 

Veja também

O que é Busca e Apreensão de Veículo

Como consultar o Mandado de Busca e Apreensão

Busca e Apreensão de Veículo: Guia completo e definitivo

Atraso no IPVA pode gerar Busca e Apreensão de Veículo?

3 Dicas para evitar a Busca e Apreensão de Veículos

 

Quantas Parcelas em atraso ocorre a Busca e Apreensão de Veículo

 

Quantas parcelas atrasadas ocorre busca e apreensão de veículo
Quantas parcelas atrasadas ocorre busca e apreensão

De acordo com o artigo 3º do Decreto-Lei 911/69, o credor poderá ingressar com a ação de busca e apreensão do veículo a qualquer momento, desde que comprovada a mora, que ocorrerá do simples vencimento do prazo para pagamento da parcela. Dessa forma,  a busca e apreensão poderá ocorrer com o atraso de uma ou mais parcelas, de acordo com a estratégia do credor.

 

 

 

Artigo 3º Decreto Lei 911/69: O proprietário fiduciário ou credor poderá, desde que comprovada a mora, na forma estabelecida pelo § 2o do art. 2o, ou o inadimplemento, requerer contra o devedor ou terceiro a busca e apreensão do bem alienado fiduciariamente, a qual será concedida liminarmente, podendo ser apreciada em plantão judiciário.

 

Para comprovar a mora, o credor poderá enviar carta com aviso de recebimento (AR) ao devedor.

 

Artigo 2º Decreto Lei 911/69: A mora decorrerá do simples vencimento do prazo para pagamento e poderá ser comprovada por carta registrada com aviso de recebimento, não se exigindo que a assinatura constante do referido aviso seja a do próprio destinatário. 

 

Em suma, basta uma parcela em atraso para que o credor passe a ter o direito a ingressar com a ação de busca e apreensão de veículo.

Desde claro, comprove que avisou o devedor sobre a dívida em aberto.

 

Na prática, quantas parcelas em atraso ocorre a Busca e Apreensão de Veículo ?

 

Apreensão de veículo por busca

Como vimos, na teoria o credor que concedeu o financiamento do veículo pode ingressar com o processo de busca a qualquer momento desde que avise o devedor sobre a parcela ou as parcelas em aberto.

Entretanto na prática não é bem isso que ocorre.

Isso porque um processo de busca e apreensão de veículo demandará despesas com advogado e custas processuais ao credor.

Dessa forma, é preferível haver a cobrança dessas parcelas em aberto antes de qualquer medida judicial.

Então quando há parcelas em atraso, o contrato irá ser cedido a alguma empresa de cobrança.

Essa empresa irá pressionar o devedor para que este regularize os pagamentos, sendo que muitas vezes haverá a cobrança vexatória.

De fato que um dos argumentos utilizados por esses escritórios é a ameaça de busca e apreensão do veículo.

Não havendo sucesso no recebimento dos valores, o banco poderá ou não decidir pelo processo de busca e apreensão.

Outrossim, seja com 1, 2, 3, ou 20 parcelas em atraso, o credor poderá ingressar com a ação.

 

O que é alienação fiduciária?

Alienação fiduciária de veículoComo vimos, a busca e apreensão esta prevista na lei da alienação fiduciária.

Alienação fiduciária nada mais é do que um contrato de financiamento que possui algum bem dado em garantia a concessão desse empréstimo. Dessa forma quando há inadimplência em seu pagamento, o bem poderá ser recuperado através do processo de busca e apreensão e vendido para quitação do débito em aberto.

Por este motivo, quando o devedor recebe uma notificação sobre as parcelas em aberto, deve redobrar a atenção.

Muitas vezes a inadimplência decorre de dificuldades financeiras por conta do excesso de juros cobrados no financiamento.

Esses juros excessivos é denominado “juros abusivos” e deve ser combatido pelo consumidor.

Nesse sentido, a consultoria Reis Revisional é especialista em revisão de contratos e busca e apreensão de veículos.

Autoridade no assunto, a Reis Revisional é líder de mercado em revisão de contratos para promover equilíbrio na relação de consumo.

Como resultado, o consumidor conseguirá evitar a busca e apreensão do veículo além de economia financeira de até 90% do valor financiado.

Se você esta desconfia que possa estar sofrendo um processo de busca e apreensão de veículo, fale com a gente.

Preencha o Cálculo Revisional Gratuito e coloque um ponto final na cobrança de juros abusivos.

 

Conclusão

busca e apreensão de carroSaber com quantas parcelas em atraso ocorre a Busca e Apreensão de Veículo é fundamental.

Isso porque o consumidor terá tempo para se recompor financeiramente e contornar a situação.

Entretanto muitas vezes os contratos de financiamento por alienação fiduciária possuem alguma cobrança abusiva.

Desse modo, contatar um especialista e fazer a revisão do contrato é essencial para regularização da situação com promoção de justiça e economia.

Nesse sentido, a Reis Revisional é a empresa indicada para consulta.

Líder em revisão contratual no Brasil, a Reis Revisional possui equipe altamente treinada para contornar a busca e apreensão de veículo promovendo economia financeira que pode chegar a até 90% do valor da dívida.

Portanto preencha o Cálculo Revisional Gratuito e fique livre da busca e apreensão de veículo em alienação fiduciária.

Publicado em Busca e Apreensão de Veículo Financiado
0 Comments

No Comment.

Desenvolvimento Web por beDigital.com.br