Como reduzir os juros de um empréstimo bancário

Como reduzir juros abusivos

Redução de juros abusivos

Você sabe como reduzir os juros de um empréstimo bancário?

A maioria das pessoas em algum momento da vida já precisou ou precisará fazer algum tipo de financiamento, seja para comprar um imóvel, veículo ou qualquer tipo de aquisição de maior valor.

Entretanto fugir dos juros abusivos é uma tarefa muito difícil no Brasil.

A saber, a taxa de juros praticada em nosso país é uma das mais elevadas do mundo.

Dessa forma, saber como identificar cobranças irregulares de juros elevados antes de assinar o contrato é fundamental.

E claro, para quem já esta sofrendo a cobrança abusiva, saber como reduzir os juros de um empréstimo pode trazer inúmeros benefícios à vida financeira.

Nesse artigo abordaremos os dois tipo de situação.

Então se você tem um financiamento ou esta pensando em fazer algum tipo de empréstimo, leia esse artigo até o final e coloque um basta nos juros abusivos.

Como reduzir os juros de um empréstimo

Reduzir juros de empréstimos

Redução de juros abusivos

Ao fazer uma compra seja ela qual for, a única forma de não pagar juros é pagando o valor a vista.

Contudo alguns bens como carros e casas são muito caros, tornando o financiamento a única forma viável para adquiri-los.

Existem dois caminhos distintos para reduzir os juros de um empréstimo.

O primeiro caminho é destinado para quem ainda não assinou o contrato com o credor.

A saber, inúmeros problemas com juros altos podem ser evitados quando tomamos cuidados na hora da contratação.

Em primeiro lugar, deve-se ficar atento à taxa de juros informada em contrato.

Comumente gerentes de bancos e agências de crédito costumam informar apenas o custo nominal da operação.

Porém existe uma outra taxa, que determina o montante real de juros a ser pago, chamada Custo Efetivo Total ou CET.

No Custo Efetivo Total deverão estar englobados todos os encargos do financiamento como tarifas de cadastro, registro ou qualquer outro valor a ser cobrado.

No caso de um financiamento de um imóvel por exemplo, sempre existirá a taxa de administração e o seguro embutido na parcela.

Esses valores acessórios pesam no valor final da parcela, mas não são calculados na taxa de juros nominal.

Portanto na hora de comparar a taxa de juros, saber qual é o Custo Efetivo Total da operação é crucial.

Outro ponto importante mas que poucas pessoas dão importância é na pesquisa de mercado.

A diferença de taxa de juros cobrada de um banco para outro pode chegar a mais de 50% do valor total de juros.

Dessa maneira, pesquisar dentre as diversas opções de instituições presentes no mercado é uma excelente maneira de como reduzir os juros de um empréstimo bancário antes da assinatura do contrato com o credor.

Como reduzir os juros de um empréstimo bancário já efetivado?

Diminuir juros abusivos

Redução de juros em empréstimos

Se você já consolidou seu empréstimo junto ao banco então é hora de descobrir se foi ou não lesado pelos juros abusivos.

Não há como reduzir os juros de um empréstimo bancário sem descobrir antes as irregularidades contratuais.

Isso engloba diversos itens como taxa de juros, tarifas irregulares embutidas, taxas cobradas maiores do que as informadas em contrato, etc.

Quando se fala de juros altos os credores inventam muitos caminhos para lesar o bolso do consumidor.

Para identificar uma taxa de juros abusivas, em primeiro lugar deve-se comparar a taxa cobrada em contrato com a taxa média de juros praticada pelo mercado.

A saber, mensalmente o Banco Central do Brasil divulga através do seu site o valor médio de juros para cada modalidade de crédito.

Isso engloba taxas de juros de cartão de crédito, cheque especial, empréstimos pessoais, capital de giro e financiamentos diversos como imóveis e veículos.

Após comparar a taxa de juros, ao detectar discrepância elevada da média de mercado com o valor efetivamente cobrado pelo banco, poderá ser caracterizada a cobrança abusiva de juros.

Entretanto a maneira mais eficaz para comprovar a cobrança de juros abusivos é através do laudo técnico efetuado junto ao contrato de financiamento.

Nele deverão ser discriminados detalhes das cobranças abusivas e cláusulas que lesam o consumidor.

É possível fazer um cálculo prévio de juros abusivos através do Cálculo Online Grátis.

Através desse cálculo a ser realizado por um especialista, é possível comparar a taxa de juros cobrada com a taxa de juros que deveria ter sido aplicada em seu contrato de financiamento, além do recalculo do valor da parcela sem a incidência de anatocismo.

Como fazer a revisão de contrato com juros abusivos

Revisão de juros bancários

Revisando juros altos

Comprovada a cobrança abusiva de juros, é necessário revisar o contrato.

A revisão da dívida tem como principal objetivo a redução da cobrança de juros abusivos, reequilibrando a relação entre banco e consumidor.

De fato, não existe um limite legal de cobrança de juros para bancos e financeiras estipulado através de legislação.

Entretanto o Código Civil determina que obter vantagem excessiva sobre outrem sem motivo justificado caracteriza enriquecimento sem causa, passível de punição.

Além disso, o Código de Defesa do Consumidor deixa claro que qualquer cláusula contratual que represente abuso contra o consumidor é passível de revisão.

Não há como fazer a revisão de contrato com juros abusivos sem antes identificar esses abusos através de um profissional.

Contudo, após a identificação, o consumidor terá dois caminhos distintos para percorrer:

1 – Revisão da dívida através da negociação extrajudicial

Pela revisão por meio da negociação extrajudicial, é possível diminuir os juros do financiamento sem o ingresso de uma ação na justiça.

Isso significa que através da comprovação de juros por meio do laudo técnico, é possível negociar diretamente com os representantes dos credores para redução do valor total da dívida.

A negociação extrajudicial é indicada quando o abuso é evidente e lesa de modo claro o financiado.

Assim, o credor sabe que se o consumidor ingressar judicialmente, poderá sofrer um prejuízo enorme por vias judiciais.

Então o credor optará em fazer a redução antes mesmo de sofrer a ação na justiça, proporcionando benefícios a ambas as partes.

2 – Revisão da dívida através da ação judicial

Há casos em que o credor dificulta a negociação extrajudicial e se recusa a fornecer os descontos dos juros ao consumidor.

Infelizmente as instituições financeiras se recusam a cumprir os direitos dos consumidores, como reduzir os juros de um empréstimo bancário por exemplo.

Dessa forma não resta outra alternativa que não seja o ingresso judicial para revisão dos juros.

Esse tipo de ação visa principalmente o combate à pratica excessiva de juros, mas traz outras possibilidades consigo:

  1.  redução da parcela do financiamento;
  2.  bloqueio de busca e apreensão de bens ou execução judicial de dívidas bancárias;
  3.  retirada do nome do consumidor dos órgãos de proteção ao crédito.
  4.  devolução dos valores de tarifas cobrados irregularmente no contrato de financiamento.

Como toda ação judicial, todos os pedidos serão analisados por um magistrado, podendo serem aceitos ou não.

Dessa forma, ao fazer a ação judicial de revisão de juros com um profissional gabaritado, as chances de êxito aumentam substancialmente.

Como reduzir os juros de um empréstimo da maneira correta?

Fim dos juros bancários

Reis Revisional redução de juros abusivos

A melhor forma para reduzir os juros de um empréstimo sem dúvidas é através de um especialista no assunto.

Nesse sentido, a Reis Revisional é a empresa certa para fazer a revisão da dívida.

Isso porque conta com os melhores profissionais especializados em revisão de juros abusivos.

A Reis Revisional é a única empresa especialista em revisão de contratos certificada pela norma ISO 9001 de qualidade com acreditação pelo INMETRO, tendo seu certificado emitido pela fundação Vanzolini, gerida por professores da escola politécnica da USP.

Portanto se você desconfia que esta sofrendo cobrança abusiva no seu financiamento, fale com a Reis Revisional e valorize seu dinheiro.

Willian dos Reis
Willian dos Reis
Co-fundador da empresa Reis Revisional, consultoria especializada na luta contra a cobrança de juros abusivos no Brasil, gerando economia financeira e proporcionando o equilíbrio nas relações de consumo entre seus clientes e Bancos e Financeiras. Condecorada pela LATIN AMERICAN QUALITY INSTITUTE na categoria de Consultoria Financeira, foi premiada por sua preocupação na gestão da qualidade com certificação emitida pela LAQI, reconhecida pela ONU.

Qual sua opinião? Deixe um Comentário

avatar
 
smilegrinwinkmrgreenneutraltwistedarrowshockunamusedcooleviloopsrazzrollcryeeklolmadsadexclamationquestionideahmmbegwhewchucklesillyenvyshutmouth
  Inscreva-se  
Notificação de
WhatsApp chat