Juros Empréstimo Pessoal

 

Como fugir das armadilhas da cobrança abusiva de juros em empréstimo pessoal?

A taxa média de juros cobrados em empréstimo pessoal só aumenta ano após ano.

Só para ilustrar, esse ano a taxa média mensal de juros de empréstimo pessoal segundo o Bacen gira em torno de 7% a.m.

Em meio à crise financeira, os apelos para o consumo têm se tornado cada vez mais agressivo pelo comércio em geral.

Essa sedução por ofertas mascaradas atrai  o consumidor que acaba cedendo às facilidades da aquisição de crédito para manter seu padrão de vida.

Quando a tomada de empréstimo pessoal torna-se inevitável, o consumidor deve fazer uma ampla pesquisa de mercado para conseguir taxas mais atrativas, e assim amenizar a cobrança abusiva de juros.

Pagar as parcelas em dia é imprescindível para não sofrer com as cobranças de juros de mora, que em sua maioria, são cobranças exorbitantes exercidas pelas instituições financeiras.

Entretanto quando há cobrança abusiva de juros de empréstimo pessoal, efetuar o pagamento das parcelas significa concordar com essa cobrança.

Como fazer para não sofrer com juros abusivos em empréstimo pessoal?

Como fugir juros abusivos em empréstimo pessoal

 

A cobrança de juros de empréstimo pessoal na maioria das vezes é feita de modo abusivo.

Os consumidores que estão nessa situação devem procurar ajuda profissional para se livrar das armadilhas da cobrança de juros sobre juros, conhecido como anatocismo.

As instituições financeiras, que já são demasiadamente ricas, acabam aumentando de forma exorbitante os seus lucros às custas da exploração da cobrança de juros de seus clientes.

Essa prática é ilegal, e prevista no Código Civil em seu artigo 206.

A Reis Revisional trava uma luta incessante contra essa prática, além de outras armadilhas às quais os bancos praticam de forma deliberada em seus contratos de financiamento, especialmente juros de empréstimo pessoal.

É comum a inserção de tarifas que não foram contratadas, que acabam encarecendo e dificultando ainda mais a vida do consumidor.

Dessa forma, ele é obrigado a fazer milagres para manter-se em dia com seus contratos de empréstimos pessoais.

De fato, isso prejudica sua saúde financeira e sua qualidade de vida.

Mas como saber se você esta sendo lesado pela cobrança de juros abusivos?

Fazendo cálculo de juros abusivos

 

Uma análise criteriosa nos contratos de financiamentos deve ser feita para que assim possam ser detectadas as cobranças ilegais e abusivas.

Identificar tarifas embutidas e recalcular as prestações por métodos de cobrança de juros simples são algumas das práticas que a empresa Reis Revisional exerce para diminuir a dívida de seus clientes.

Dessa forma, devolver a tranquilidade para essas pessoas é a razão de existir da Reis Revisional.

Com uma equipe altamente treinada, o Cálculo Revisional é efetuado para confirmar a suspeita de cobrança de juros abusivos.

Após a consulta técnica, o próximo passo é identificar todos os prejuízos sofridos, e solicitá-los pra que sejam devolvidos ou amenizados.

Juros de empréstimo pessoal devem ser combatidos e cabe ao consumidor lutar pelos seus direitos.

Se você possui um empréstimo pessoal e suspeita que esta sendo lesado, fale conosco.

Através do Cálculo Prévio Online detectamos a cobrança de juros abusivos.

Preencha nosso formulário abaixo e um consultor técnico especializado irá entrar em contado para esclarecer todos os pontos e verificar se o seu contrato possui ou não cobranças abusivas gratuitamente.

 

WhatsApp chat