Distrato de Compra e Venda de Imóvel? E agora?

Distrato de Compra e Venda de Imóvel é a melhor saída?

Com o aumento significativo no número de Distratos de Contratos de Compra e Venda de Imóveis, construtoras partem para um verdadeiro vale tudo, visando atrair o consumidor para fechar novos negócios. O mercado imobiliário parou de crescer com o advento da crise que assolou o país, e na tentativa de reaquecer as vendas, construtoras apelam e aceitam até veículos usados como forma de entrada, para desovar imóveis que estão encalhados. Outra estratégia utilizada pelas construtoras é a utilização de drones para conseguir um apelo visual e assim firmar novos contratos de compra e venda de imóveis.

Ao que devo ficar atento na compra do imóvel?

Com esse cenário, o consumidor deve redobrar a atenção para não se deixar iludir pela empolgação, e dar um passo maior do que a perna. Muitos consumidores, na ansiedade de adquirir um imóvel e realizar o sonho da casa própria, acabam não calculando de forma correta os juros embutidos nos contratos, e também não se preocupam com as parcelas intermediarias em caso de imóveis adquiridos na planta, que normalmente são de valores elevados.

Quando a saída é o Distrato de Compra e Venda do Imóvel, o que devo fazer?

Em todos esses casos, é direito do consumidor ingressar com o pedido de distrato de contrato de compra e venda de imóvel adquirido na planta. Se o consumidor desistir da aquisição, terá direito a devolução de até 100% do que investiu, devendo o valor ser devolvido em uma única parcela, inclusive com correção monetária. O ideal nesses casos é fazer a solicitação diretamente com a construtora de forma amigável. Caso tenha dificuldades de reaver os valores, basta que o consumidor entre em contato com a Reis Revisional para sanar todas as dúvidas.

Distrato de Compra e Venda de Imóvel? E agora?
Avalie este post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Atendimento Online